Notícias

TRATAMENTO DE SEMENTES

Tratamento de sementes como parte da agricultura moderna do Brasil

     O tratamento de sementes é um excelente exemplo de como a indústria de sementes e a indústria de defensivos agrícolas estão inovando, tendo em vista o futuro da agricultura moderna brasileira. O tratamento industrial de sementes vem aumentando significativamente em importância à medida que as empresas vêm trabalhando para criar novas e mais produtivas tecnologias, especialmente geradas para atender as necessidades dos agricultores no combate às pragas (doenças, insetos, nematoides, plantas daninhas, entre outros). O tratamento de sementes serve como meio de transportar os produtos voltados ao controle destas pragas, caracterizando-se como uma das mais importantes práticas de manejo integrado de pragas, auxiliando no incremento da produção e no rendimento das lavouras.

     O tratamento de sementes é um instrumento eficaz para se combater os efeitos negativos das pragas no momento do plantio e, assim, ajudar os agricultores a produzirem mais e com melhor qualidade, ao mesmo tempo em que minimizam o impacto negativo aos seres humanos, aos animais e ao meio ambiente.

Definição de tratamento de sementes

     O tratamento de sementes é a aplicação de ingredientes químicos e/ou organismos biológicos às sementes, de forma a suprimir, controlar ou afastar patógenos, insetos ou pragas que atacam as sementes, mudas e plantas.

     Tecnologias aplicadas à semente, como inoculante, agentes de proteção e herbicidas, micronutrientes, reguladores de crescimento, revestimentos de sementes, corantes, etc. também podem ser considerados tratamento de sementes. As sementes tratadas são destinadas exclusivamente ao plantio e não afins de alimentação humana ou animal.

Fonte: Guia Abrasem de Boas Práticas de Tratamento de Sementes